9 LINKS FAVORITOS DA SEMANA #8: E DOIS FILMES

sexta-feira, junho 10, 2016


Eis mais uma das nossas aglomerações! Se você ainda não sabe como funciona o "quadro" de 'Links favoritos + filme ou série': os posts dessa sequência reúnem diversas indicações do que achei de bacana por aí na internet nos últimos dias e, no final, sempre tem o que considero como uma breve resenha/análise (sem spoilers ou com partes sinalizadas, caso os tenha) de um filme ou uma série que indico. Então, este é o tipo de postagem com 'várias dentro', é das grandes, é para que possamos mergulhar em vários tópicos que ganham enlaces. Assisti a duas obras com mensagens bem bacanas nesta semana (apesar de não terem entrado com totalidade para a minha lista de filmes mais apreciados), após uma escassez de tramas reflexivamente frutuosas encontradas, e deparei mente e coração com links rentáveis de diversas temáticas, desde detalhes sobre cursos e e-books gratuitos até quesitos de saúde e indicações de filmes e documentários a mais pelo decorrer.

1. 8 filmes de psicologia com mensagens incríveis

Uma lista recheada de obras com lições primorosas, vertentes singulares e plurificadas e com temáticas que circundam em quesitos adentrados na psicologia, mas captam tópicos em entrelinhas enriquecidas para muito além das discussões mais diretas focalizadas no tema. Algumas das enriquecidas de mensagens obras citadas já tiveram resenhas/análises destrinchadas por aqui e outras ainda terão. Confesso que alguns dos meus preferidos estão na lista 'extra' encontrada no desfecho dos indicados, como o filme "Uma Mente Brilhante" (analisado aqui), que entrou com facilidade no aglomerado dos meus filmes favoritos a partir de cada tese emitida em diálogos esplêndidos e desenrolares sublimes de fatores implícitos admiráveis. O bacana, ao devorar cada uma das tramas, é observar as mensagens de valores e visões poéticas que emitem, acima de quaisquer pontuações. E para os apaixonados por psicologia, fica o lembrete da postagem (além de diversas outras que agregam o tema em indicações de livros e outras artes) de 15 documentários e afins sobre psicologia e mente humana.

2. 8 maravilhosos aplicativos para leitores

Aplicativos de leitura estão disponíveis de formas práticas e promissoras, porém existem opções afora das semelhantes ao Amazon, Google Books ou livros para celulares, tablets e afins. Redes sociais específicas, livros digitais para colorir ou plataformas de publicação independente saem do computador e também vão para o bolso dos leitores. Conheça na lista alguns dos mais usados e veja também outros aplicativos que vão ajudar você a ganhar tempo para o que importa. Uma observação bacana é que aplicativos incríveis para dar suportes no quesito também podem ser encontrados no compilado de últimos melhores aplicativos que descobri, incluindo o Pocket (que virou o meu 'grude').Outras indicações podem também ser descobertas a partir do link de sites e aplicativos para quem ama ler.

3. E-book para blogueiros: Construindo seu público (totalmente gratuito e com cadastro que permite recebimento de outras dicas) + Curso de Midia Kit 

O blog Sernaiotto disponibilizou, gratuitamente, um e-book super bacana com dicas para blogueiros (que podem também caber para diversos negócios em particularidades concebidas). O mais bacana é que após preencher seu nome e e-mail, você receberá uma mensagem com o link para download do livro "Construindo seu Público" e poderá concordar em receber dicas esporádicas sobre conteúdo e monetização. Você pode cancelar a sua inscrição a qualquer momento, mas as indicações são tão dignas e proveitosas que imagino como difícil a ocorrência do desistir. E outro conteúdo interessante do blog é o curso de Midia Kit, que acaba por agrupar diversas outras sapiências e pode ser aderido na versão gratuita ou paga (para demais aprofundamentos).

4. 18 cursos gratuitos (online) para empreendedores (e mais!)

Agora você pode encontrar gratuitamente e a hora que quiser, desde a solução para aquele problema financeiro que não deixa o sono perdurar até novos métodos para engajar o time, o negócio individual, entre tantas outras opções. A farta lista feita pela Endeavor (site fascinante já indicado aqui) é uma oportunidade deleitosa para aprender com quem já passou pelas mesmas dores que qualquer empreendedor passa (e como disse na sequência de vídeos motivacionais de histórias empreendedoras: quem hoje não é um empreendedor?). São conselhos de nomes como Steve Blank, empreendedor serial e um dos maiores professores de empreendedorismo do mundo, e de empresas reais como Spoleto, Prática Fornos, Enox, MXT, Natura, Acesso, e muitas outras. Outros links super bacanas adentrados na temática são: Marketing Conteúdo (blog sobre marketing com dicas diversas) e 'Passo a passo para virar concretamente um MEI (microempreendedor individual)'.

5. Seleção enriquecedora de sites sobre alimentação saudável e emagrecimento (e 3 e-books gratuitos!)

Sempre ratifico a importância de atividades físicas em conjunto com uma alimentação mais saudável até para que aquelas 'besteirinhas' que adoramos fiquem mais deleitosas. O caso é saúde acima de quaisquer "padrões estéticos" (os quais são errôneos e desnecessários para quem está saudável - devendo lembrar que todos teremos nossos fatores genéticos, que nos tornam singulares e reais! Afinal, photoshop na vida só dura para causar espinhos). Ainda enfatizo a necessidade da busca de um profissional para acompanhar os fatores, mas nunca deixa de ser bacana buscar soluções para emagrecer (se for importante para a sua saúde!) de forma duradoura e ter uma vida saudável. Você pode levar as indicações para o nutricionista e ir aderindo. O mais interessante é que dicas de sites com conteúdos incríveis acabam estando inclusas. A lista é super variada e cabível para quaisquer tipos físicos que desejam melhorar os cardápios. Outra indicação que fica como soma é o link da chef Luiza Zaidan, que ensina cinco pratos saborosos para levar para o trabalho e economizar no dia a dia (a porção não sai mais por mais do que 10 reais!).

6. Lista com 50 blogs ímpares de decoração

Um compilado com blogs fantásticos de decoração (que acabou tendo até mais de 50)! A variedade de temáticas das bases aderidas são incríveis: desde blogs para decoração sustentável e minimalista, com muito DIY, até dicas sobre novidades do mercado. Tudo para deixar os seus cantinhos com ainda mais sentidos, significados implícitos e explícitos e muito aconchego.

7. 12 documentários sobre mulheres para assistir na Netflix + Resenha do documentário "She's Beautiful When She's Angry" (extra sobre o tema: poema 'Os culpados')

Apesar das imensas decepções sociais obtidas nos últimos meses, desde em relação aos acontecimentos mais destacados até os comentários absurdos feitos para tentativas de culpar a vítima de uma atrocidade, também pudemos, por outra angulação mais luminosa, ter a alegria de navegar pela força e conscientização de muitos que lutam por mais igualdade de gênero, por mais respeito entre seres, por menos inversão de trocas nos papéis de culpa (como critico na poesia indicada acima). E para amplificar esses pontos mais fortes e justos, por que não mergulhar em 12 obras que contam histórias de mulheres revolucionárias, empoderadas e que abrem os nossos olhos para muito do que ainda prossegue como necessidade de evolução? Uma resenha que adorei imensamente e que fica como um adendo (pretendo conferir o documentário indicado com urgência!) foi a do Teoria Criativa sobre o 'She's Beautiful When She's Angry': um filme curto e que pode ser considerado 'antigo', mas que nos joga na cara o quanto as problemáticas perante o machismo e afins da época prosseguem. O mais cativante da postagem foram os trechos da própria obra que a Gabi indicou no decorrer.

8. O maior site de 'vaquinhas' do país

Fiquei indagando por minutos alastrados como ainda não conhecia esse cantinho super interessante! Você provavelmente já deve ter ouvido falar, mas preciso ratificar o quanto adorei descobrir. O site é uma 'rede de arrecadação' que permite que você lance a sua causa, abrindo a sua 'vaquinha' gratuitamente. Basta definir a sua meta em dinheiro e os detalhes da sua campanha para após sacar o quanto for arrecadado. E ele ainda permite o mais bacana: que você, obviamente, ajude em diversas causas e espalhe o bem por aí. Histórias incríveis podem ser encontradas por lá e o 'blog da Vakinha' conta algumas delas. Amizades podem surgir, salvações podem ocorrer, e o mais legal: aquela sensação de que amor próprio também é permitir a doação em todos os sentidos, perdura.

9. Indicação de blog: Empreendedorismo, cultura e mais no 'Isabella Lessa'

Uma leitora do Sem Quases que merece aquele abraço! O blog da Isa, que é estudante de administração e tem 23 anos, é repleto de dicas sobre marketing, empreendedorismo em geral e postagens motivacionais. 'Como escrever e-mails profissionais', 'Coisas que você talvez não saiba sobre o Google' e 'Marketizando seu blog' são apenas alguns dos títulos que carregam dicas bem elaboradas no portal. O site ainda adere outras temáticas como decoração, música, postagens de 'desabafos mais pessoais' e afins. Vamos navegar?

Extra: Ilustração da semana

Vocês sabem que a minha paixão, além (obviamente) de escrever, é analisar artes: poesias em letras de músicas, em clipes mais metafóricos, filmes, ilustrações, entre tantas outras. Apreciar o implícito, devorar o explícito que sempre diz mais do que aparenta, ratificar que tudo é profundo se colocarmos mais que o dedo do pé: meus hobbies. E poesia é isso: é ir lá dentro a partir de todos os pontos, incluindo o que dá a noção de que nenhum tesouro do fundo vai estar realmente no fundo se não passa pela superfície. É metáfora com linha direta, é arte. E arte é verdade, é ter algo para dizer, é ter algo pulando pela garganta. E quando é que ficamos ansiosos para mentir? A arte é a fala mais honesta do ser humano, ainda que não seja exatamente sobre ele. Mensagens enriquecidas para reflexões borbulhantes são meios deleitosos para que possamos fazer releituras internas mais agigantadas e, assim, descobrir mais e inovar. E é o que a arte nos permite. Já compartilhei com vocês, portanto, algumas das ilustrações que mais mexeram comigo (com playlist) e eis mais uma em link! A representação da indicada acima capta diversas vertentes para mim, desde a noção já dada através da análise do clipe de 'Style' e do poema 'Sempre vou saber de você' até, principalmente, do texto (fragmento dele: estará completo no próximo livro) 'O amor é elegante'.

  • Filme 1: O Clube do Imperador

Sinopse:

William Hundert (Kevin Kline) é um professor da St. Benedict's, uma escola preparatória para rapazes muito exclusiva que recebe como alunos a nata da sociedade americana. Lá Hundert dá lições de moral para serem aprendidas, através do estudo de filósofos gregos e romanos. Hundert está apaixonado por falar para os seus alunos que "o caráter de um homem é o seu destino" e se esforça para impressioná-los sobre a importância de uma atitude correta, mostrando como o passado muda não só o nosso presente, mas o presente de vidas alheias que nem imaginamos e exemplificando que imortalidade só existe através das marcas que perduramos com atitudes que não ferem a outros. Repentinamente algo perturba esta rotina com a chegada de Sedgewick Bell (Emile Hirsch), o filho de um influente senador. Sedgewick entra em choque com as posições de Hundert, que questiona a importância daquilo que é ensinado. Mas, apesar desta rebeldia, Hundert considera Sedgewick bem inteligente e acha que pode colocá-lo no caminho certo. Mas quando será que devemos parar de tentar? Qual o momento de observar que o caráter demonstrado por alguém é, de fato, a sua índole, para a qual não adianta tentativas de modificação?


Um adendo antes de qualquer detalhe: o vídeo acima é um trecho do filme (uma das minhas partes favoritas, se não 'a' favorita). O trailer legendado não estava disponível (e nem mesmo dublado), por isso optei por já emitir uma das cenas mais bacanas. No último mês foram poucos os filmes que assisti com capacidades para reflexões envolventes e aprofundadas, a última obra cinematográfica que, de fato, chacoalhou as minhas visões mais internas através de diálogos e entrelinhas densas foi "Uma Mente Brilhante" (já indicada mais acima, com resenha aqui), que entrou para a minha lista de filmes favoritos. Uma surpresa boa da semana, portanto, foi rever a trama "O Clube do Imperador", da qual pouco recordava, já que havia conferido há muitos anos e não desde o início. Ao fazer a releitura, o filme não ganhou a minha mente e coração com completude por alguns detalhes contraditórios (citarei) que apresenta, enfraquecendo as lições emitidas. Contudo, as diversas frases, cenas e mensagens firmadas são de grande valia e trouxeram reflexões que podem ser destrinchadas de maneiras enriquecedoras. Entrelinhas filosóficas e cabíveis para muito além dos quesitos da sinopse estão presentes, e o filme pode até soar um pouco 'Sessão da Tarde', mas a intenção clarificada que deixa é justamente de ser algo para todas as mentes (maturidades), podendo obter os desenleares de formas ainda mais poéticas e valiosas para quem souber cavar ligando os pontos a diversas situações e ensinos.

Apesar da semelhança agigantada perante alguns aspectos de um dos meus longas favoritos: "Sociedade dos Poetas Mortos" (analisado aqui), Clube, que não ganha em minha visão da riqueza de mensagens no desenrolar da história, contém diferenças grandiosas, apresentando visões de 'outros lados' não abordados com tamanhas proporções por Sociedade. Enquanto Poetas Mortos adere (dentre tantas outras mensagens) uma visão fundamental sobre presente e futuro, sobre inovação e utilização do passado para novas construções, buscando 'mudanças para continuar o mesmo', Clube capta em sua base a relevância do passado para a essência que prosseguirá em nós e para a liberdade e o legado que deixaremos. A mensagem que tanto afirmo aqui sempre que encontro brechas, de que liberdade é saber ao que se prende, é um dos pontos mais abordados na trama. Recapitulando na frase: Sinônimo de liberdade é respeito. Só é livre quem sabe ao que prende. Quem quer ter tudo de uma vez, não escolhe. Quem não escolhe, não abdica. Quem não abdica, é preso pelos rastros que deixa por nada ganhar, sem nada conseguir segurar, sem ser livre para ter. Escolhas devem ser complementos umas para as outras ou, ao menos, não devem ferir as prioridades. E quem não vive retendo por não ter prioridades, nunca atingirá o autoconhecimento e bom caráter que é a chave mestra para a porta da gaiola. Não merece o fundamental quem não sabe abrir mão do trivial.

Quem não tem princípios e por ele abre mão de certos fatores: já que somente assim é que defendemos e fazemos jus ao que prometemos (aprendendo a renunciar do que pode machucar esses detalhes), não tem sequer a si, porque em nada ganha definição, em nada ganha chão. Mas então, o que é caráter? É o que mantém esses princípios, é o que nos faz discernir o que deve ou não ser feito, é o respeito que torna a liberdade existente por saber os limites que deve abraçar, por saber dirigir o carro sem atropelar, de maneira idêntica a que gostaria que fosse dirigido um outro caso o pedestre fosse você. Caráter é a lealdade pelo que jurou como prioridade até que jure claramente não mais ser, para si e para todos os envolvidos nessas promessas. É a fidelidade e o ato urgente para admitir com esclarecimento caso ela seja ferida, doa a quem doer, porque só assim não doerá nos princípios, que quando machucados ferem a quem os mantinha, a quem os assegurava, a quem os esperava e a um turbilhão de outros 'quens' e 'quandos' intermináveis e onde já não caberão mais tentativas ou perdões, só re-voltas, só prisão. Caráter é mais do que convicção, é verbo que vive em gaiola para poder fazer com que todo o resto possa voar.

O filme engloba diversas frases e particularidades que ratificam tal ideologia: "Ambição e conquista sem contribuição não tem significado" (trecho apresentado no vídeo acima); "Não saber o que houve antes de nós é permanecer criança"; "A juventude envelhece, a maturidade é superada, a ignorância pode ser educada, a embriagues passa, porém a estupidez é eterna" (porque ela ecoará para sempre nas oportunidades que por ela perdeu, nos corações com ela machucou, nos ensinamentos que não adquiriu e que gerarão um ciclo eterno de perdas constantes, ainda que não perceba); "Vencer a que preço? Essa sempre é a pergunta a ser feita. Mais importante do que viver é permanecer vivo nos corações que cativamos" (e só assim poderemos viver com fulgor enquanto estivermos vivos, com o maior tesouro que se pode adquirir: uma mão que tem onde segurar); "Se sou feito (sentido ambíguo para 'ser semelhante àquilo que acredita e/ou diz acreditar'), torno-me"; "O fim depende sim do início".

A ideia de que legado é 'não para si' e 'só assim, será', também perdura na obra. Através disso, temos uma crítica que a acompanha de forma cada vez mais alargada: em relação aos 'contatos' que fazem com que pessoas tenham 'facilidade' nem sempre merecida na vida, que entrem pelas janelas e não portas, que fazem com que por um sobrenome ou status que sequer lutou para conseguir (apenas 'veio de berço'), ganhem o que outros poderiam mais merecer. É um dos maiores erros sociais que cometemos: 'se fulano é filho de sicrano, dei-lhe o poder'. É óbvio que gratidões sendo retribuídas existem e isso não é lá um erro a ser considerado em tantos casos, mas o que fica pertinente é o seguinte: o que custa fazer com que um ser humano prove que merece aquilo por si e não por algo que sequer dependeu dele para ter? O que custa observar o caráter e a competência antes de simplesmente entregar a badeja a alguém que pode desfigurá-la em segundos? Devemos impulsionar mais os outros a terem por conquistar e não por levarem uma bagagem repleta de troca de favores que colocam presentes talvez não merecidos no caminho ou por terem nas mãos os traços de um passado que não é seu. O maior erro de alguns dos personagens é o de achar que tem poder sem abstrair aprendizados (o que só ocorre caso erros semelhantes não sejam cometido, e eis mais um detalhe do que é caráter: erros semelhantes. Não precisam ser iguais. Um ser de caráter não vai cometer algo parecido, ainda que em uma situação adversa) e sem elevar melhorias com feitos perante caráter real, sem contribuir para a evolução alheia com honestidade. Isso é não ter poder e sequer consciência: é estar imerso na maior ignorância, a de esquecer que tudo é cabível é reviravolta, revira e volta, com soco que dói na própria mão do agressor. Para mais ou menos, ainda que o status não seja perdido, que dinheiro continue na conta, a perda vem de alguma forma é muito maior, sempre, para quem não mantém caráter, porque ela é do tipo que quando chega, surge como tsunami, levando tudo, derrubando a fé dos outros em qualquer credibilidade, inclusive sobre o que poderia ser honestamente bom.

Diversos pontos implícitos a mais são interessantes de aprofundar, como é o caso da importância de "navegar toda manhã" (que aparece literalmente, mas fica em alerta como um detalhe metafórico) que o docente emite. A noção da necessidade das pausas entre tudo o que fazemos e do encontro de meios que sejam a nossa terapia 'interna' (daquelas que temos para reler mais de nós, apenas conosco), ficam fortalecidas. Sobre o ponto da fundamentação das pausas já muito destrinchei em postagens como a de '15 vídeos para reflexão': no quarto vídeo. E sobre as necessidade do encontro com o que nos desabafa interiormente, explicitei um pouco no final (2º Bônus) da postagem de '15 documentários sobre mente humana'. Outros tantos fatores ficam em entrelinhas e mensagens a serem captadas mais diretamente não deixam de perder valor, como a lição que o personagem Sedgewick nos deixa (entre tantas outras entre seus erros e afins) em relação a 'aprender de tudo', a 'estar presente até no que não parece que muito vai agregar'. Apenas por chegar atrasado na aula (e não buscar aprofundar/saber o que havia deixado de ouvir), ele perderá um detalhe que poderia ser a sua salvação em 'momentos vistos como cruciais'. E assim é tudo na vida: quem não está presente se tem chance de estar, quem não se esforça para estar, quem não observa ao máximo o que pode e permite a chegada de novos ensinamentos e vivências (dentro dos limites dos próprios princípios), fica em limitações que dão ré em passos que pode sequer conhecer. E esse detalhe também fica incluso na noção da importância das pausas: em circunstâncias em que 'paramos para respirar' e vamos fazer algo que parece insignificante é que pode chegar a ideia que o cérebro não permitiu quando estava atolado em tantas outras. O fato pode até soar batido, mas é singularmente apresentado na obra. 

Apesar de tamanhas lições que fazem com que eu deseje repassar o filme para meus irmãos, futuros filhos e qualquer pessoa de qualquer idade que possa aprofundar detalhes, ainda que os achando primeiramente clichês em certas instâncias, o filme trouxe pontos que fizeram com que ficasse enfraquecido. Em momentos em que o professor poderia passar ensinamentos ainda mais firmes e metafóricos, comprovando ser, de fato, o que tanto defende, ele não o faz. Em uma brincadeira em que deveria fazer com os meninos aprendessem a lição de admitir os erros, ainda quando não intencionais, ele apenas corre. Tudo bem, é um ato impulsivo, um momento infantil em que a criança interior pode estar falando e ali a conexão entre eles até ganha mais enlace, porém nada disso ganha do fato de que, em momentos assim, de erros, é que devemos deixar a maturidade falar mais alto, por menor que tenha sido a falha. Nas besteiras, nos momentos em que ninguém sai ferido, a criança em nós pode e deve gritar, brincar, viver. Porém não é com esse discernimento que Hundert age em diversos momentos.

Aprofundamento a mais com spoilers (leia após assistir ao filme): Prosseguindo a linha anterior  No entanto, um dos erros do próprio William, em um momento da sua 'quebra de caráter' (nunca muito comprovado), acaba surgindo para deixar um ensinamento que abre os seus olhos para ser mais o seu próprio aluno, já que é disso que se trata: aprendermos a ensinarmos a nós mesmos. Ao desviarmos o nosso caráter por algum mau-caráter, estamos alimentando um ciclo para, inclusive, arrependimentos próprios. Por isso "os fracos se vingam e os fortes se protegem" (Augusto Cury), porque seja no amor, no emprego ou em quaisquer instâncias, devemos ler a história somente enquanto sentimos que podemos escrevê-la, somente enquanto, no máximo, dermos mais uma chance até perceber que o final se repetiu mais uma vez, e então, é a hora de parar de tentar. Por isso a vingança mata o amor e as conquistas, porque não fere somente o outro lado, mas o caráter. Fere tudo o que construímos e o que poderíamos levantar como voz própria em defesa de nós mesmos dizendo 'você pode até ter feito assim, mas eu: continuo sendo o que você sempre terá perdido, o bem que não deixarei de t-ser'. É como ratifico no texto Não sofra tentando explicar. E é exatamente o que ocorre na obra, comprovando que 'Você não pode ensinar nada a alguém sem que a resposta já esteja de alguma maneira dentro daquela pessoa', e para saber que, se alguma forma aquilo mora 'lá', uma segunda chance pode nascer, mas somente uma, e é justamente ao reparar o desfecho sendo repetido que o professor perde ali as esperanças totais e segue em frente sem mais tanto remoer, porque foi comprovado o que precisava ser, ele matou o 'e se...' assim, por isso permitir de novo é sempre válido, mas permitir a re-recomprovação, é bater o fundo do carro. 

Com o erro dele (professor) outros foram feridos, outros perderam o que poderiam alcançar, outros nos quais ele pouco pensou. Ele saiu ferido, ele perdeu o que poderia alcançar (maior gratidão de tantos, maior lição para quem merecia ainda muito aprender; um futuro repleto de outros futuros que ele mudou com apenas um ato inconsequente). Mas não com a segunda chance. Ela vale para acalmar o nosso interior, para nos provar a índole do outro, para nos fazer seguir de cabeça mais erguida. Ele não 'se vinga', por todos os motivos que foram já citados acima, ele apenas deixa clara a mensagem: eu sei o que é caráter, eu sei que você não tem. Todos sabem o que é caráter, você sabe que não tem. Vou apenas seguir em frente, porque as suas perdas virão, e não vou estar em mesmo patamar que você. A minha vingança é que veja-me sempre como o modelo que não alcançou, porque eu morrerei livre, com todos sabendo as boas marcas que deixei, e você morrerá deixando dúvidas intermináveis, questionamentos sobre o seu caráter (no mínimo), o que já é suficiente para não ter belo legado, para não ser imortal. 

Dicas extrasEscritores da Liberdade e Mentes Perigosas são mais duas obras com a temática de professores, agregando críticas e bons ensinamentos de maneiras diferenciadas (além das outras duas analisadas aqui na mesma postagem em que está 'Sociedade dos Poetas Mortos', já indicada) e mais um detalhe que deixo como soma é a leitura do terceiro e, principalmente, do sexto parágrafo do texto 'Não é o que parece', que muito tem conexão com as mensagens gerais do filme referido.

  • Filme 2: Perfume de Mulher

Observação: para não obter grandes spoilers, assista a cena acima somente até 2:33.

A indicação de 'Perfume de Mulher' não terá análise aprofundada, já que todas as lições mais bacanas adentradas na obra já foram, basicamente, destrinchadas na análise do filme acima (principalmente na parte da resposta de 'Mas o que é caráter?').
O fato é que senti alguns teores machistas no filme, o que desagradou bastante, e fora a cena acima, que foi o que realmente fez com que indicasse aqui o longa, poucos foram os momentos em que senti mensagens admiráveis em grande escala na trama, diferente do que ocorre com o "O Clube do Imperador", que em quase todas as cenas ganhou a minha atenção para alguma mensagem interessante transmitida. Uma das lições diferentes passadas em Perfume, é em relação ao quanto a nossa insistência para fazer bem a alguém pode nos levar a um ciclo incrível de tesouros eternos. O garoto insiste no capitão, em permanecer, em clarificar os sentidos da vida dele, das esperanças que deve continuar mantendo. E tudo o que devemos fazer antes de desistir de alguém, é ficar. Ficar até poder dizer 'você não me deixa ficar', 'você me corta por dentro a cada vez que fico', 'você faz com o que o ficar sempre seja ter que ir embora'. E esse é um dos pontos bacanas a mais da obra (como ratificado acima na questão da segunda chance para matar o 'e se'). As cenas em que o garoto impõe o seu bom caráter, ajudando o capitão a reencontrar a própria essência, são de grande valia, por isso não descarto a dica de que o filme seja conferido inteiramente. Uma outra lição diferenciada é em relação a necessidade de buscarmos formas de viver o que adoramos independente dos empecilhos: se não dá para dirigir, permita que alguém dirija com você, permita que seja um carro diferente do que sonhou, só não deixe de estar sentindo o movimentar da estrada que sempre quis, só começando assim é que podemos ir descobrindo novas formas mais deleitosas de ir pegando no volante. 

Com o final do semestre, o ritmo de postagens está mais lento (motivos: provas, trabalhos 
 emprego + trabalhos da faculdade , finalização de novos projetos futuros, Vanessa Brunt surtando!), porém em breve voltaremos ao costume mais acelerado. E em relação aos links indicados e aos filmes? Já tinha conferido algum? O que acrescentaria em relação as análises e reflexões emitidas? Não deixe de compartilhar nos comentários as suas opiniões e dicas a mais!

LEIA TAMBÉM:

61 COMENTÁRIOS

  1. Oi, oi Vanessa!
    Adorei os seus favoritos, desses eu só tinha visto o e-book da Loma, vou dar uma olhada nos outros post e tentar ver os filmes indicados!
    Abraços! ;)
    Borboletas de Papel | Fanpage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Line! Que alegria imensurável é saber que pôde mergulhar em descobertas a mais dentre reflexões e indicações! Espero imensamente que cada uma possa levar a diversas outras em ciclos incessantes, viu? Adorei saber que já visto o e-book para blogueiros. Achei uma iniciativa maravilhosa! As dicas por lá são sempre super bacanas. Dos filmes, como destrinchei com clarificação, indico de fato o primeiro, apesar das problemáticas que o enfraquecem em certos quesitos, é super válido! O segundo acho bacana de assistir, mas foram poucos os momentos em que apreciei de forma agigantada. Espero que possa conferir e mergulhar nesses pontos de linhas e entrelinhas. Um super beijo!

      Excluir
  2. Amei todos os links e indo visitar todos kkkk


    Beijos,
    www.thalitamaia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba! Que delícia é ler isso, Tha! Espero imensamente que cada um possa agregar em demais reflexões e ciclos de descobertas enriquecedoras, viu? E que os filmes e os destrinchares obtidos possam também impulsionar em releituras internas e dos arredores. Obrigada por transbordar! Um super beijo!

      Excluir
  3. Oi, tudo bem? Adorei os links, estou indo visitar todos agora mesmo! Gostei muito também das dicas de filmes, parecem ser muito bons!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, La, que alegria gigantesca por saber que pôde mergulhar em cada uma das reflexões e indicações com fulgor. Espero imensamente que cada detalhe possa gerar em demais descobertas intensificadas, viu? Dos filmes, como destrinchei com clarificação, indico de fato o primeiro, apesar das problemáticas que o enfraquecem em certos quesitos, é super válido por cada mensagem que exemplifiquei, cada detalhe implícito e mais. O segundo acho bacana de assistir, até para que certos 'pontos mais negativos' possam nos levar a discussões necessárias, mas foram poucos os momentos em que apreciei de forma agigantada reflexões emitidas. Espero que possa conferir e mergulhar nesses pontos de linhas e entrelinhas. Foram as últimas obras que realmente ganharam meu coração de alguma maneira. Um super beijo!

      Excluir
  4. E aquele batom é BBB! *_*

    Bem interessante a sua seleção! O que mais gostei foram os 18 cursos gratuitos online. Vou dar uma espiada!

    Ótima sexta!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba! Que delícia é saber que mergulhou em cada indicação reflexiva, Manda! Espero imensamente que cada uma possa desencadear em um ciclo de descobertas enlaçadas e incessantes, viu? E que agucem as suas releituras internas assim, assim como as reflexões aderentes aos filmes e as tramas totais em si. Os cursos são super bacanas e o site da Endeavor sempre emite detalhes assim: de e-books, vídeo-aulas, entre outros. Espero que adore. Um super beijo!

      Excluir
  5. Vanessa, quanto link incrível esse mês, arrasou nas indicações! Preciso arrumar um tempinho pra ver os que mais me interessaram: o e-book para blogueiros, os sites para alimentação saudável, dos empreendedores, e os sites de decoração. hahaha Quanto aos filmes, eu já assisti o primeiro, e é um filme muito bom!

    Blog Amora Rosa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Grazi, que alegria imensurável é saber que mergulhou assim em cada reflexão indicada. Obrigada por transbordar! Espero imensamente que cada tópico possa elevar as suas releituras internas e clarificações de caminhos a mais, com inspirações em somas, viu? Adorei tanto saber alguns dos seus enfoques! Creio que possa adorar, para além dos links, os sites que os produziram também, porque os conteúdos costumam ser bem bacanas! E em relação aos filmes: 'O Clube do Imperador' tem os pontos que considerei como negativos, que senti como enfraquecedores das mensagens (como destrinchei na análise), mas é, no 'plano geral', super válido por cada lição que emite na maiores partes (nos fazendo, inclusive, poder imaginar, justamente por isso, o quão melhor poderia ser), por cada detalhe implícito e mais. O segundo acho bacana de assistir, até para que certos 'pontos mais negativos' possam nos levar a discussões necessárias, mas foram poucos os momentos em que apreciei de forma agigantada reflexões emitidas, só que por elas já achei válida a indicação. Foram as últimas obras com enriquecimentos reflexivos que vi e espero que possam desencadear em releituras e descobertas para você, viu? Um super beijo!

      Excluir
  6. Suas reflexões e seleções sempre geniais! Todas as frases em que voce falou de carater eu ja salvei aqui, muito incrivel e um tapa na cara pra certas pessoas que merecem. Ja assisti "perfume de mulher" e nao tinha tido tanta visão dessas mensagens, ate quando voce explica dizendo que nao vai aprofundar, aprofunda muito pra gente de qualquer forma. Adorei tudo e vou assistir "sociedade dos poetas mortos", nao tinha visto sua resenha ainda sobre e to lendo aqui e nao aguentando querendo ver logo kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Tha, que alegria gigantesca por ler cada pedaço de cada palavra que emitiu! Obrigada por esse carinho tão lindo e maravilhoso de sentir e retribuir com gosto! Obrigada por mergulhar em cada reflexão assim e transbordar. É uma delícia saber que fragmentos das reflexões destrinchadas perante uma obra bacana pôde agregar em enfoques para você. São detalhes que costumam lembrar muito algumas pessoas do passado para mim, juntamente com o 'Não sofra tentando explicar'. O bacana é que só nos firma mais quem somos e nos afasta de quem nos subtrai, não é? Espero que cada tópico possa ter desencadeado em demais releituras internas! E Sociedade é um dos meus eternos 'filmes de estimação'. Vejo, revejo, capto mais entrelinhas e fico incansável com aquela maravilha. Creio que vá adorar. Conta depois, viu?

      Excluir
  7. Fui ver o link das dicas de quentinhas para o trabalho e adorei ver que era a Lu Zaidan. Acho o canal dela uma delícia de se ver, já conhecia? E eu pirei no capricho da Loma nesse e-book <3 muito amor!!! beeeijos :***

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Lo, que delícia é sempre sentir esses seus mergulhos em cada reflexão e indicação a mais. Tão maravilhoso receber cada uma das suas visões! Conheci o blog da Lu há poucos dias e estou em encantos! A profissionalidade que ela emite é uma maravilha de ver, e as dicas são super bacanas, abrindo até alas para que arrisquemos em 'criar mais', não é? As dicas da Loma são sempre super legais e o curso e o e-book dela são uns xodós! Adorei saber que pôde aprofundar assim em cada detalhe. Espero que cada tópico a mais possa também gerar reflexões e utilidades aguçadas, viu? Um super beijo!

      Excluir
  8. Como eu amo Perfume de Mulher, esse filme é perfeito!
    Adorei essa lista com os blogs de decoração e a indicação dos documentários!
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Ca, como destrinchei na descrição: esperava mais do filme, mais reflexão, mais aprofundamento, mais diálogos interessantes e com mensagens de maior vália, mais. Achei superficial em alguns quesitos que poderiam ser tão aprofundados e fiquei incomodada com alguns detalhes, como indiquei no que falei acima. Mas o que foi válido, foi de fato bem bacana, e por isso não deixaria de indicar, até porque os pontos críticos para os ângulos mais 'possivelmente negativos', também não deixam de abrir olhos e terem as suas utilidades para que possamos discutir temáticas a mais. O Clube do Imperador agrega diversas das mesmas lições de base e creio que você iria adorar também! E que alegria gigantesca por saber que pôde mergulhar para além em cada indicado e reflexão. Estou todos os dias indo nessa lista dos blogs de decoração para devorar sempre com calma. Uma maravilha! E os documentários são incríveis! Adorei saber os seus maiores enfoques e espero que os demais detalhes também elevem releituras internas, viu? Um super beijo!

      Excluir
  9. Olá, amei seu blog!! Posts maravilhosos e claro você também. Layout bem lindinho rs' amei de verdade e já me inscrevi por tudo aqui. Você ja ta lista de Blogroll no meu blog, vem conferir comentar os post e se inscrever no youtube. Beijão e vou estar sempre por aqui...

    - http://gabriellamartinsfashion.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Gabi, que delícia receber esse carinho tão lindo e poder retribuir com gosto. Obrigada por transbordar em cada reflexão de mãos dadas neste nosso cantinho! Passarei na sua lista e redes com alegria imensa, viu? Espero que cada reflexão destrinchada e indicação a mais possam alargar as suas releituras internas e afins! Um super beijo!

      Excluir
  10. Oi, Nessa.
    Menina quanta link bom, acho que já tinha visto apenas o das mulheres.
    Sou apaixonada por posts assim, a gente sempre encontra blogs legais e com conteúdos ótimos.
    Beijo.

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mila! Que delícia é saber que pôde mergulhar em demais descobertas para reflexões, inspirações e afins aglomerados. Espero imensamente que cada tópico possa desencadear em demais descobertas em ciclos agigantados, viu? E que as suas releituras internas possam ser ainda mais alastradas. Espero que os filmes e trechos indicados possam fazer parte desses meios reflexivos entre linhas, entrelinhas e reflexões destrinchadas. Um super beijo!

      Excluir
  11. Melhor resenha que já li de "O clube do imperador" sem dúvidas. Nunca vi algo tão bem aprofundado. Gostei muito da cena e das analises que fez do outro filme também, mas acho que vou mesmo rever "o clube do imperador" porque você abriu meus olhos pra coisas que nao tinha visto de forma tão intensa assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Vi, como é maravilhoso saber que pôde mergulhar em uma releitura que pôde enriquecer assim! Cada releitura é sempre descobrir e inovar, e saber que sentiu tantos pontos a mais a serem captados é uma delícia. Espero imensamente que cada reflexão destrinchada possa elevar as suas releituras internas em visões clarificadas a mais, viu? E que cada indicação possa aglomerar nesses papéis de mensagens a serem enlaçadas. Obrigada por mergulhar e transbordar alimentando os sentidos principais desse nosso cantinho (refletir de mãos dadas). Um super beijo!

      Excluir
  12. Tô saindo clicando em todos os links loucamente haha como eu amo esse tipo de post <3 obrigada!

    http://guitarrebel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba, oba e oba! Que alegria imensurável por saber que mergulhou assim em cada reflexão e indicação enlaçada, De! Espero imensamente que todas possam levar a demais descobertas em ciclos agigantados e com conexões úteis, viu? E que possam alargar as suas releituras mais internas e clarificações em somas, assim como as tramas a mais destrinchadas. Um super beijo!

      Excluir
  13. Que post mais valioso! Eu vou deixar salvo pra visitar todos os links e absorver o melhor deles, com calma. Adoro quando um blog que eu gosto indica outros <3

    Beijos,
    http://brunismos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Bru, que carinho mais lindo de sentir e que delícia é poder retribuir esse dengo com tamanho gosto! Adorei sentir, principalmente, esse seu mergulho e transbordamento de sempre. Espero imensamente que cada indicado e reflexão emitida possam desencadear em reflexões diversas e clarificações de caminhos através, também, de inspirações em somas, viu? Adoro quando uma leitora que aglomera tanto maior sentido para o nosso cantinho, transborda ainda mais por aqui e traz essa alegria. Um super beijo!

      Excluir
  14. Arrasou na seleção. Cliquei em vários e já vou conferir =D
    A Isabella manda muito bem mesmo nos post ♥

    Blog do Sofá
    do Sofá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba! Que delícia é sentir esse seu mergulho! Espero imensamente que cada indicado e reflexão emitida possam abrir alas para demais inspirações e releituras internas, cabendo, ainda, em união de conteúdos de cada um para cada um, viu? E as postagens da Isa são super bacanas, repletas de praticidades que nos englobam em impulsionamentos para criatividades a mais e afins. Adorei saber que conferiu o espacinho dela. Um super beijo!

      Excluir
  15. Brunt sua sensacional! Suas reflexoes sao sempre incriveis e amei todos os links. Essa analise do primeiro filme veio com muita coisa que me ajudou a repensar relacionamentos atuais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. In, sua sensacional! Seus comentários são sempre incríveis e amei todas as palavras, rs. Obrigada por esse carinho tão lindo e maravilhoso de retribuir! E que alegria imensurável que fica em mim por saber que pôde ter releituras tão internas a partir dos destrinchares da obra. As partes mais aprofundadas do filme são mesmo bem bacanas e esse é o ponto principal: que possamos delas tirar o melhor. Espero que as clarificações deixem no seu caminho somente o que faz sentir que os positivos suprem negativos, viu? Um super beijo!

      Excluir
  16. Os links listados são ótimos, meu preferido foi o 6 por amar decoração.
    Dos filmes acima não assisti nenhum, mas sempre é cedo para conhecer novos diretores.
    xx

    http://www.folhasdeoutono.com/

    ResponderExcluir
  17. OOi Vanessa!
    Adoro posts assim porque sempre conheço vários blogs novos e conteúdo legal! Gostei muito do link da lista para os filmes de psicologia (eu faço psico e curto muito assistir filmes psicológicos), achei interessante também o link para o blog da Isa sobre adm e coisas para nossos blogs, ameei o link de decoração, muitos dos blogueiros de lá eu já acompanho, mas outros foi muito legal conhecer... Sobre os filmes eu não assisti o primeiro e fiquei bem curiosa e gostei dos seus comentários e da sinopse a respeito deles.

    Beijinhos Bi
    https://janeladela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olha Vanessa, ahazou na postagem! Até salvei aqui na barra de fav por que tem muita coisa boa pra ser lida!

    Continue produzindo esse conteúdo <3
    | A Bela, não a Fera| | Tô RYCA na Finlândia|| FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
  19. Oi Vanessa :)
    Menina, quanta coisa! Muita indicação legal. Vou falar de duas que mais me chamaram a atenção ;)
    Adorei conhecer o blog da Isabella Lessa, também sou estudante de Adm!
    E a Sernaiotto sempre aparece com uns freebies incríveis, certeza que vou olhar esse ebook.
    Beijos!

    claramenteinsana.com

    ResponderExcluir
  20. Oi Van tudo bom?
    Adorei os links, principalmente o de dicas para blogueiras como o da Sernaiotto e o de 50 blogs de decoração (amo)!
    Sobre os filmes, não conhecia nenhum para curti sua critica, vou procurar para assistir.

    Um beijo,
    Quase Mineira | FB do blog

    ResponderExcluir
  21. Como sempre suas analises vem cheias de "tapas na cara" maravilhosos Brunt. Varios trechos do que escreveu foram como ler mais pedaços de cronicas incriveis suas. Adorei muito e ja vou procurar o filme ate pra prestar atençao nesses pontos negativos que falou. E os links sao incriveis como sempre!

    ResponderExcluir
  22. Gostei muito das oito indicações de filmes! Adoro filmes que além de nos entreter, ensinam algo, sabe?
    E também agradeço demais os links para blogueiras e empreendedorismo! Estes links nunca são demais... parece que quanto mais a gente sabe mais a gente tem dúvida, hahaha!

    Beijos!
    Andréia Campos
    http://petitandy.com

    ResponderExcluir
  23. Cara, que post foda. Muito conteúdo útil. E eu gosto muito do site da Endeavor. Vídeos muito legais sobre empreendedorismo, e é um assunto que tenho acompanhado bastante nesses tempos. E os apps de livros para celular foi muito necessário aqui também. Favoritei pra não perder nenhum link. Lacrou muito, Vanessa! Vou acompanhar mais essa categoria por aqui também. :)
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  24. Oi Vanessa,
    Você selecionou uma série de links muito bom, vou conferir cada um deles com muito carinho. Amei as indicações de filmes eu já assisti e adorei!
    Bjs❤
    Abrir Janela

    ResponderExcluir
  25. Amei o blog número 9, são dicas que preciso muito ler. Principalmente e-mails profissionais *--*

    beijos, Love is Colorful

    ResponderExcluir
  26. Ah perfume de mulher é incrível!
    Amei cada cena!
    Adorei a indicação do ebook pra blogueiros!
    Beijos

    http://www.utilidadebobagem.com/
    Siga o insta do blog: @blogueb

    ResponderExcluir
  27. Ufa!
    Quanta coisa interessante!
    Adorei os links, especialmente a indicação de blog e e-book para blogueiros.
    Já assistir escritores da liberdade e e incrível. Uma lição de vida mesmo!

    bjO e tenha uma ótima semana!

    Blog Breshopping da Dany
    SORTEIOS Breshopping da Dany SORTEIOS
    Instagram: @breshopping_da_dany
    Twitter: @brechodanylins

    ResponderExcluir
  28. quero mt ver esses filmes de psicologia, e agora que tenho um kindle to conseguindo ler mais ebooks, tbm vou atras desses que vc indicou

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  29. Amei os links, sempre cheios de ótimos conteúdos, amei os filmes principalmente sobre psicologia, e fiquei me perguntando como não assisti nenhum...Já anotei aqui *.* ótimas dicas, beijos
    Charme-se

    ResponderExcluir
  30. Amo essa série de posts, sempre encontro conteúdo legal! Beijos
    www.desencana.com

    ResponderExcluir
  31. Fiquei bem curiosa para fazer esses cursos, vou olhar e me inscrever em alguns.
    Quero assistir a ambos os filmes, parecem ótimos.
    Adorei seu blog.

    http://revelandosentimentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  32. o que falar sobre livros de psicologia, é muito amorrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr \o/

    ResponderExcluir
  33. opsssssssssssssssssss,

    http://www.16primaverasblog.com/

    ResponderExcluir
  34. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  35. VANE SUA LOCA! GENTE EU TÔ NO POST, JÁ POSSO PEDIR UMA MUSICA? *----*
    Primeiramente, que postão mais lindo, cheio de coisa útil que já está no meus favoritos, segundamente OBRIGADAAAAAAA por indicar o blog principalmente pelo descritivo, fiquei mega feliz quando você falou que me tinha citado e o negócio não abria, SOSSSS quase tive um troço!!!
    E terceiramente, vocÊ arrasa agradeço mais uma vez por ter gostado do blog e ter indicado e que um parceria possa surgir nesse negócio né, pq ninguém é feliz sozinho só queria dizer kkkkkk.

    UM BEIJÃO!

    ResponderExcluir
  36. QUE BLOG LINDO É ESSE?!!! Acabei de conhecer o Sem Quases e to apaixonada. E que post ótimo! Adorei ver todos os links que vc compartilhou. Mulher, já virei fã. Maravilhoso seu trabalho, continue publicando essas maravilhas <3

    www.malusilva.com.br

    ResponderExcluir
  37. Adorei as indicações!
    (especialmente os documentários do Netflix, que já abri aqui e coloquei na lista fingindo que sou super organizada).

    ResponderExcluir
  38. O trabalho da Loma é incrível! Conheço o blog dela há bastante tempo e adoro as dicas que ela compartilha!
    Fiquei curiosa com os documentários sobre mulheres, acho que vou conferir alguns deles!

    Beijos!

    BLOG COISA E TAL

    ResponderExcluir
  39. Adorei os links, principalmente o primeiro.
    Adoro filmes com essas pegadas psicológicas e com certeza vou fazer uma maratona e ver todos os 8 filmes rapidinho!
    Beijo

    Blog Lua Soares

    ResponderExcluir
  40. Oi Vanessa, querida! Sempre indicações maravilhosas por aqui. Selecionando já os links para conferir tudo ao longo da semana. Obrigada por sempre nos presentear com uma seleção tão bacana!

    ResponderExcluir
  41. Oi Van! Como eu adoro passar aqui no seu blog, tem sempre dicas e textos bacanas e motivacionais. Achei os links mega interessantes e já sai clicando em quase todos, pois alguns eu já conhecia :)
    Não ouvia falar do Endeavor desde a época da faculdade e amei relembrar kkkk!!!!

    bjs

    www.tpmbasica.com.br
    youtube.com/tpmbasica

    ResponderExcluir
  42. Eu adoro empreendedorismo, principalmente se vem com criatividade junto! <3
    Pensa se eu gostei da sua postagem por causa disso? hahahah
    Vou aproveitar muito os links que você deixou aqui. Muito mesmo! <3
    Obrigada por compartilhar! :3

    http://seismilmilhas.com

    ResponderExcluir
  43. Adorei a dica dos documentários sobre mulheres. Recentemente vi o "She's Beautiful When She's Angry" e é muito bom. Super indico.
    O material para blogueiro é ótimo. Acompanho o blog da Loma e ela arrasa muito.
    beijos!
    www.jeniffergeraldine.com

    ResponderExcluir
  44. Todas as vezes que aqui venho me surpreendo com quanto conteúdo maravilha!
    Obrigadaaaaa!
    Aprendo tanto por aqui. <3

    Beijo Beijo
    http://www.ofabulosodestinodemariaamelia.pt/

    ResponderExcluir
  45. Estou perdidinha com tanta coisa maravilhosa desse post. Anotado como meu favorito sem dúvidas. Eu acho que quero mais 48h no dia pra poder aproveitar tudo isso hahaha Amei muito! Parabéns, com certeza vai ajudar muita gente, inclusive eu.

    Beijossss,
    http://www.maleando.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por chegar até aqui para deixar a sua opinião. É fundamental para mim. O que dá sentido com ratificação para cada reflexão entre análises, dicas, informações e sentimentos aqui escritos são essas nossas trocas evolutivas de sensações e pitacos.

Não esqueça de clicar em "notifique-me" abaixo do seu comentário para receber por e-mail a resposta dada.

Posts Recentes Mais Posts

TRANSBORDOU NESTES?

Direitos Autorais

Todos os escritos aqui postados são de autoria da escritora, poetisa, compositora e blogueira Vanessa Brunt. As crônicas, frases, poesias, análises e os demais diversos escritos, totais ou em fragmentos, podem ser compartilhados em quaisquer locais e sites (quando não para fins lucrativos: criação de produtos para vendas, entre outros), contanto que haja o devido direcionamento dos direitos autorais. Ademais, as imagens utilizadas no blog para as postagens não são, em sua maioria, feitas pela autora. Portanto, para qualquer problema envolvendo os créditos das fotos, basta entrar em contato e o caso será resolvido prontamente.